Postagens Recentes
Conecte a minha lista para receber publicações.

Crise Existencial, Já passou por isso alguma vez?

Recebo constantemente pessoas em meu consultório, de diferentes faixas etárias e condição social, em busca de alguma direção, em meio a uma crise existencial. Algumas conquistaram sonhos que desejavam, outras muito dinheiro, outras, reconhecimento. No que se refere a bens materiais, muitas dessas pessoas possuem boas condições, porém ainda assim sentem insatisfeitas com alguma coisa dentro delas, uma espécie de vazio interior.

Quando a pessoa entra numa situação desta que descrevi no parágrafo acima, geralmente passam a questionar o sentido da vida. Neste instante se tem a oportunidade de voltar-se para dentro de si e viajar numa jornada interna.

Porém, é necessário muita coragem e disposição para encarar a verdade. Disposição para voltar-se para dentro para ir ao encontro daquilo que está incomodando, e isso é possível através do autoconhecimento. A psicoterapia o conduz ao reencontro com sua verdadeira identidade e, consequentemente, o ajuda na revelação do seu propósito, caso você queira se conectar a ele.

É enorme a quantidade de pessoas que não se conectaram com um propósito de vida. A verdade é que com uma vida cotidiana cheia de atividades e responsabilidades, a maioria se encontra surda, sem conseguir ouvir os comandos do coração (da alma).

O viver no piloto automático, num transe hipnótico e anestesiado, em busca de dinheiro, conquistas materiais, cumprimento das obrigações, faz com que o foco e a atenção seja voltado para viver a vida que a mente condicionada acredita ser uma boa vida.

Para viver uma jornada interna é preciso renunciar a velhos hábitos, abrir mão de um vício, ter coragem e pagar o preço da mudança. Por isso que acontece a crise existencial. Ela vem como um alerta, um aviso de que algo novo precisa acontecer. Aqueles que tem coragem e ousadia para mergulhar nesta jornada interna, consegue tirar grande proveito da crise, aqueles que não conseguem fazer essa viagem, correm o risco de viver uma vida com uma sensação de vazio interior.

Então, aqui vai um alerta. Se você está lendo esse texto, comece a tirar um tempo para escutar seu mundo interior e suas emoções e sentimentos. Se algo não estiver legal, procure ajuda, fale com um psicólogo e se permita viver uma vida com alegria e realizações não somente exterior, que é muito importante, mais também, realizações interiores.


Sylbene Bento

Psicóloga Clínica e Coach